Como escolher a telha ideal

Parte essencial da construção de uma casa, a escolha da telha vai muito além das questões estéticas

É comum as pessoas pensarem que a escolha da telha está ligada apenas na garantia de uma vedação mais eficiente e um conforto térmico em dias quentes ou frios. Além da telha, a inclinação do telhado também é um fator essencial para que não haja nenhuma preocupação com fortes temporais e vendavais. Se esses dois fatores não estiverem interligados calor, frio, vento e água podem entrar nos cômodos, causando grande dor de cabeça para os moradores.

Muitas pessoas têm dificuldade em escolher qual é o material mais adequado para servir como telhado principalmente pela grande variedade existente no mercado. Além da influência no conforto térmico, as telhas ditam muito sobre o orçamento que terá a construção. É por isso que o planejamento da cobertura e até mesmo a escolha do material precisam ser feitos logo no início do projeto de construção.

A escolha da telha

Alguns pontos precisam ser observados e levados em conta na escolha da telha. Como já dito, a inclinação do telhado é um dos principais – e essa informação é dada pelo fabricante das telhas, que indica qual a inclinação indicada para que aquele material possa cumprir o prometido.

Também é muito importante garantir que os produtos sejam homologados pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para não correr riscos e garantir que a telha tenha um indicativo de segurança. A qualidade do material dita muito sobre sua durabilidade.

A telha também precisa combinar tanto com o formato do telhado, o formato da casa, o estilo da construção e também as cores da casa. Quando arquitetos são contratados para gerir o projeto, é comum que eles escolham o tipo de produto em relação a estética.

Os materiais

Concreto

As telhas de concreto possuem boa durabilidade e também proporcionam um ótimo conforto térmico. Essas são os principais motivos de escolha deste material, que também apresenta uma grande cartela de cores e modelos a serem utilizados. Contudo, ele é pesado, poroso e não tão resistente à umidade, por isso necessita de uma manutenção anual.

Metal

Quando a construção tem cunho industrial ou a intenção é cobrir grandes vãos, já que apenas uma peça de telha pode ter mais de quatro metros. Pode servir para a construção da cobertura de um galpão, mas geralmente não proporcionam nenhum ou pouco conforto térmico.

Cerâmica

São os modelos mais tradicionais de telha, geralmente feitas de barro – e também chamadas assim. São utilizadas há muito tempo e continuam na moda na arquitetura contemporânea por oferecerem conforto térmico, boa vedação e por serem muito fáceis de serem encontradas no mercado. A durabilidade, contudo, não é das melhores. Porém diversos modelos vêm de fábrica com revestimento sintético, que é uma solução para a durabilidade.

Amianto

As telhas de amianto são mais populares e possuem um custo menor. Contudo, também são menos resistentes. São muito utilizadas em galpões de indústria ou construções mais simples. O conforto térmico é outro ponto negativo desta telha é a incapacidade de atingir um conforto térmico suficiente.

Ecológicas

Hoje em dia a sustentabilidade é o consumo consciente estão cada vez mais em alta, por isso as telhas ecológicas são uma ótima opção para quem se importa com essas questões. O produto é feito a partir de materiais naturais, como a fibra reciclada do coco, madeira e bananeira. São leves, econômicas e resistentes, além de serem fáceis de instalar e resistentes a ação de raios UV.

 

Continue acompanhando o blog da CGL para mais dicas e informações sobre a construção civil e decoração de uma forma geral.

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on email

Outros Posts