Dicas para sempre ter segurança em casa

A segurança em casa está entre as principais e mais frequentes preocupações de qualquer proprietário. A garantia de sempre ter uma noite de sono tranquila realmente não tem preço.

Poucas pessoas não precisam se preocupar com isso. Quem mora em um condomínio fechado, por exemplo, conta com porteiro, vigilância por câmeras e cercas altas, algo que certamente tranquiliza.

Já quem mora em casas tradicionais e partilha a rua com o resto do mundo precisa recorrer a algumas soluções de segurança. O monitoramento via câmeras é uma alternativa, mas existem outras práticas que, mesmo simples, contribuem para manter a casa segura.

Segurança em casa

A segurança em casa começa pelos próprios portões. Evite ao máximo esquecê-los abertos e certifique-se muito bem que não há alguém suspeito por perto na hora de abri-los. Se eles forem eletrônicos, só compartilhe o controle de acesso com alguém realmente confiável e que não irá perdê-lo.

Na hora de escolher um portão novo para a casa, evite os que podem ser fáceis de escalar – com muitas entrada para colocar o pé. O mesmo vale para a altura do muro e suas grades. É sempre bom evitar qualquer risco, não é?

Além de manter portas e janelas devidamente trancadas sempre que possível, a área externa da casa não deve ostentar nada que tenha alto valor e “chamar atenção”. Até caixas vazias de eletrodomésticos podem ser desmontadas ou rasgadas antes de irem ao lixo para evitar ficarem a mostra.

Quando estiver pensando na decoração do jardim, evite colocar algo que bloqueie a visão da rua a partir de dentro da casa. É importante poder ver todo e qualquer movimento que acontece na frente de sua residência.

Quando for viajar

Outras pessoas precisam ficar de olho na casa quando o proprietário não está por perto por algum tempo. Por isso, quando for viajar, uma boa ideia é sempre deixar alguém de confiança responsável por visitar a residência de tempos em tempos e manter a segurança em casa

Os vizinhos também podem ser notificados. Assim, se verem ou ouvirem alguma movimentação estranha, saberão que algo errado está acontecendo. Dar números de contato para eventuais emergências é essencial também.

A técnica de deixar as luzes acesas para “enganar” não é uma boa ideia. Quem perceber as luzes intactas por muito tempo certamente perceberá que não há pessoas em casa.

Para obter segurança definitivamente

Como falamos lá no início do texto, quem reside em condomínios fechados consegue desfrutar de uma vida com constante segurança em casa.

Nesses locais, como acontece em muitos empreendimentos da CGL, existe vigilância 24 horas, portaria, entrada controlada. São coisas que realmente ampliam a sensação de segurança e também trazem resultados na prática.

Portanto, para sempre dormir tranquilo, os condomínios fechados são definitivamente a melhor alternativa. Confira alguns projetos da CGL aqui e comece a pensar em sua nova vida!

 

Compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on email

Outros Posts